lion-posterLion, Austrália, 2016
Gênero: Drama
Duração: 118 min.
ElencoDev Patel, Sunny Pawar, Abhishek BharateNicole Kidman, David WenhamPriyanka BoseRooney Mara
Trilha SonoraDustin O’Halloran, Volker Bertelmann
RoteiroLuke Davies
DireçãoGarth Davis
Cotação: star_4

O caso de LION – UMA JORNADA PARA CASA (2016), nesta edição do Oscar, é semelhante um pouco ao caso de TÃO FORTE E TÃO PERTO, de Stephen Daldry, cerca de cinco anos atrás. Ou seja, temos um filme muito querido por boa parte do público, mas que é visto com certo desdém por boa parte da crítica. Ambos os filmes são convites para lágrimas, o que não deixa de ser um bom sinal, quando a intenção da obra é mesmo emocionar a plateia.

Mas não só isso, LION é uma viagem por um lugar que é ao mesmo tempo tão diferente e tão parecido com o Brasil: o das regiões pobres da Índia, de onde vem o personagem Saroo, na vida adulta interpretado pelo sempre simpático Dev Patel e na infância vivido pelo menino Sunny Pawar. A criança é impressionantemente carismática. E capaz de passar em seus olhos o desespero que é estar sozinho aos cinco anos de idade em um lugar que desconhece, inclusive, com uma língua diferente da sua.

Saroo se perde do irmão mais velho em uma estação de trem em Calcutá. O irmão o leva junto, mas o menino, ainda muito pequeno, quer dormir e fica deitado no banco da estação. Sozinho e com medo, acaba entrando em um vagão de trem e indo parar em Bengala, um território dividido entre a Índia e Bangladesh. Depois de passar por muitas dificuldades, o pequeno vai parar em um orfanato, já que não encontra sua família. É adotado por uma família de australianos, vividos por Nicole Kidman e David Wenham. E é tratado com muito amor.

Toda essa parte da recepção do pequeno Saroo pela família rica, sua maneira esperta e inteligente de ser e depois o salto para a idade adulta mostra uma boa desenvoltura da narrativa. O responsável, o cineasta australiano Garth Davis, tinha como melhor coisa em seu currículo a direção de uma série de prestígio (TOP OF THE LAKE, 2013), mas devido ao sucesso de LION já tem outra produção cinematográfica em andamento, um filme sobre a vida de Maria Madalena.

O filme cai um pouco, mas só um pouco, quando Saroo atinge a idade adulta. Faz falta uma abordagem um pouco mais aprofundada do caso do irmão adotado de Saroo. E talvez a sucessão de tentativas de encontrar a família original, depois de tantos anos distante, tenha sido mostrada de maneira muito rápida no filme. Ainda assim, há espaço para a emoção durante o processo e principalmente no final.

A história em si não tem nada de excepcional, já que o próprio filme diz que milhares de pessoas se perdem de suas famílias na Índia. O caso não é muito diferente do visto em algumas reportagens televisivas, por mais que saibamos que se trata de uma experiência ao mesmo tempo de muito sofrimento, mas também de muita sorte. A diferença é que aqui a história é transformada em um belo melodrama, que conta com astros queridos como Patel e Rooney Mara, que faz a namorada de Saroo na fase adulta.

LION – UMA JORNADA PARA CASA foi indicado a seis Oscar, nas categorias de filme, ator coadjuvante (Dev Patel), atriz coadjuvante (Nicole Kidman), roteiro adaptado, direção de fotografia e trilha sonora.

Ailton Monteiro

Anúncios