BATMAN_VS_SUPERMAN_bdBatman V Superman – Dawn of Justice
Produção: 2016
Duração: 151 min. (versão de cinema), 182 min. (versão estendida)
Direção: Zack Snyder
ElencoHenry CavillBen Affleck, Amy Adams, Jesse EisenbergGal Gadot, Diane Lane, Laurence Fishburne, Jeremy Irons, Holly Hunter
Vídeo: 2.40:1 (1080p/AVC MPEG-4)
Áudio: Inglês (Dolby Atmos, Dolby TrueHD 7.1), Português, Espanhol, Francês (Dolby Digital 5.1)
Legendas: Português, Inglês, Espanhol, etc.
Região: A, B, C
Distribuidora: Warner
Discos: 2
Lançamento: 19/07/2016
Cotações: Som: ***** Imagem: ****½ Filme: **** Extras & Menus: ***½ Geral: ****

SINOPSE
Preocupado com as ações de um super-herói com poderes divinos, o vigilante de Gotham City, Batman (Ben Affleck), enfrenta o salvador de Metrópolis, Superman (Henry Cavill), enquanto todos se questionam sobre o tipo de herói que o mundo realmente precisa. Com Batman e Superman em guerra, surge uma nova ameaça, colocando a humanidade sob um risco maior do que jamais conheceu.

bvs1

COMENTÁRIOS
Para nossa resenha da versão de cinema, clique AQUI.

Já no lançamento nos cinemas de BATMAN VS SUPERMAN – A ORIGEM DA JUSTIÇA, o diretor Zack Snyder anunciou que posteriormente seria lançada em home video uma versão estendida do filme. E ela chegou com esta “Edição Definitiva” (Ultimate Cut) que adiciona mais de 30 minutos à já longa versão de cinema, que tem 151 minutos de duração. Além de obviamente tornar o filme mais longo, e de aumentar a violência com a inclusão de sangue digital, este novo corte traz extensões de cenas e novos diálogos que preenchem algumas lacunas da trama. Uma das adições mais significativas é a atriz Jena Malone como a pesquisadora dos Lanboratórios S.T.A.R. Jenet Klyburn, que ajuda Lois Lane (Amy Adams) a descobrir a origem da bala do massacre na África, e que a cadeira de rodas de Wallace Keefe (Scoot McNairy) era revestida de chumbo – o que explica porque Superman não viu a bomba que estava nela.

Esta versão estendida também demonstra melhor a manipulação, por Lex Luthor (Jesse Eisenberg), dos eventos que levaram ao confronto entre Superman e Batman. Assim, fica mais claro como o vilão fomentou a raiva de Wayne e a desconfiança pública em relação a Superman, tornando o vilão mais fiel às suas origens. E a conversa final entre Batman e Lex cria uma conexão com o filme ESQUADRÃO SUICIDA (que estreia mês que vem), já que revela que o gênio do Mal será internado no infame Hospício Arkham.

bvs3

SOBRE O BD
BATMAN VS SUPERMAN – A ORIGEM DA JUSTIÇA chegou ao mercado doméstico brasileiro em vídeo digital, DVD e Blu-ray, tanto em sua versão de cinema como na estendida. Em Blu-ray, são duas edições – uma enluvada com três discos trazendo o corte de cinema em 2D e 3D, a versão estendida e extras; e outra com dois discos, sem a  versão de cinema em 3D. Optamos por não resenhar a edição que inclui a versão exibida nos cinemas em 3D porque a estendida, unanimemente considerada superior e definitiva, está disponível apenas em 2D. Portanto, a edição que avaliamos é a de dois discos, porém exclusiva da Saraiva, que traz uma arte diferenciada de capa, incluindo a Mulher-Maravilha, e um adesivo em relevo dos três super-heróis. 

Em sua apresentação visual standard, as transferências 1080p/AVC MPEG-4 de ambas as versões (que estão em discos separados), apesar da maior compressão aplicada no corte de cinema, já que ele divide espaço com os extras, não apresentam diferenças de qualidade perceptíveis. O longa foi rodado tanto digitalmente com câmeras Arri Alexa (4K), como em filme 65mm para as cenas em IMAX, sendo que a proporção de tela 2.40:1 é constante, não havendo a alteração de aspect ratio vista em filmes como BATMAN – O CAVALEIRO DAS TREVAS e TRON – O LEGADO. As novas cenas da versão estendida integram-se perfeitamente às originais, e mesmo aquelas rodadas com câmeras digitais e com inserção de efeitos CGI possuem uma aparência fílmica, exibindo uma leve camada de granulação. Mesmo nas sequências de ação noturnas, a imagem apresenta profundidade e textura, com detalhes visíveis. Como em O HOMEM DE AÇO, na maior parte do tempo a paleta de cores é fria, esmaecida, o que se nota principalmente nos tons discretos de vermelho e azul no uniforme do Superman. A imagem do filme não deslumbrará em Blu-ray, mas isso se deve principalmente às opções estilísticas do diretor. De resto, não foram notados ruídos e artefatos digitais.

bvs4

No que se refere ao som, o Blu-ray de BATMAN VS SUPERMAN traz o áudio original em inglês numa faixa Dolby Atmos, reproduzida em uma potente e envolvente mixagem Dolby TrueHD 7.1 para aqueles que não possuem equipamento compatível com o novo codec – meu caso. Assim, mesmo “apenas” em 7.1 canais, o áudio do filme é excelente tanto nas cenas de ação como em momentos lentos, onde o som nos envolve com discretos e eficientes efeitos direcionais. A perfeição do som já é demonstrada nas cenas iniciais do filme, onde Bruce Wayne age nos bastidores da destruição causada pelo confronto titânico entre Superman e o General Zod, em plena cidade de Metrópolis. Nesses momentos a separação dos canais é intensa, envolvendo o espectador com ruídos vindos de todos os lados. Ao final, no combate dos super-heróis contra Apocalipse, o caos sonoro é reproduzido de forma extremamente fiel, com o suporte da música, que ocupa todo o palco sonoro, e de graves que dão um “peso” impressionante a cada golpe, tiro e explosão decorrentes da batalha. Até nesses momentos, os diálogos são sempre claros e distintos – mesmo na voz gutural e grave de Batman. Dentre as outras opções de áudio disponíveis, temos nossa dublagem em português que, como de hábito, é apresentada em Dolby Digital 5.1. Estão disponíveis legendas  PT-BR e em vários outros idiomas. Os menus principais (animados) e pop-up estão apenas em inglês.

EXTRAS
A “Edição Definitiva” de BATMAN VS SUPERMAN – A ORIGEM DA JUSTIÇA traz como extras uma série de featurettes focados nos personagens e em alguns aspectos de produção. Nenhum deles pode ser considerado um legítimo making of do filme, estando mais voltados para a divulgação do novo universo cinematográfico da DC Comics. Estranhamente, nada dos vários trailers e comerciais divulgados antes da estreia do longa foi incluído. Os vídeos estão apenas no disco da versão de cinema, todos em full HD e com opções de legendas em português. Como os menus estão apenas em inglês, deixei os títulos em seu idioma original.

bvs7

  • Uniting the World’s Finest (15:05 min.) – O assunto aqui é o processo inédito (pelo menos para a Warner/DC Comics) de trazer vários personagens dos quadrinhos para o cinema ao mesmo tempo. O segmento inclui cenas do vindouros filme solo da Mulher Maravilha e do Esquadrão Suicida;
  • Gods and Men: A Meeting of Giants (12:28 min.) – Elenco e equipe falam sobre os dois super-heróis mais conhecidos e sobre tê-los, finalmente, juntos em um longa-metragem live-action;
  • The Warrior, the Myth, the Wonder (21:16 min.) – Uma retrospectiva da Mulher Maravilha, desde o seu nascimento como a primeira heroína dos quadrinhos, passando pela série de TV estrelada por Linda Carter e suas versões em animação. Também nos dá uma prévia do filme que estreia em 2017;
  • Accelerating Design: The New Batmobile (22:46 min.) – Apresentado pelo apresentador de esportes radicais Sal Maskela, este featurette traz depoimentos da equipe que reinventou o Batmóvel, mostrando cenas de testes que comprovam que o veículo realmente é capaz de fazer as proezas vistas no filme;
  • Superman: Complexity and Truth (7:08 min.) – Segmento focado na nova encarnação de Superman (Henry Cavill) introduzida em O HOMEM DE AÇO, bem como em seu traje modificado para BATMAN VS SUPERMAN;
  • Batman: Austerity and Rage (8:15) – De modo similar, o assunto passa para o novo e mais violento Batman de Ben Affleck, enfatizando o uniforme que resgata elementos clássicos dos quadrinhos, como o seu tom cinza;
  • Wonder Woman: Power & Grace (6:48) – Basicamente, trata de como a atriz Gal Gadot transformou-se na Mulher-Maravilha;
  • Batcave: Legacy of the Lair (7:12 min.) – Segmento dedicado ao desenho e à criação da nova Batcaverna;
  • The Might and the Power of a Punch (5:15 min.) – Uma análise “científica” sobre cada habilidade, golpe e arma vistos no combate entre Superman e Batman;
  • The Empire of Luthor (12:33 min.) – Como os super-heróis, Lex Luthor ganhou um featurette próprio, focado na história do personagem e no desempenho de Jesse Eisenberg;
  • Save the Bats (4:37) – Vídeo de uma campanha ecológica promovida pela produção e o elenco, esclarecendo o papel ecológico dos morcegos norte-americanos e solicitando apoio para salvá-los de uma doença que poderá levá-los à extinção.

bvs8

Jorge Saldanha

Anúncios