Autor das trilhas de Titanic e Avatar, James Horner completa hoje 60 anos e ganha homenagem em Viena, mas continua provocando controvérsia em proporções oceânicas. Por que um dos compositores mais populares de Hollywood é também um dos mais contestados? Para saber a resposta, clique AQUI e leia o artigo do nosso colaborador Fábio Scrivano, que inclui um depoimento do editor do ScoreTrack Jorge Saldanha, publicado no site da Revista da Cultura.

Anúncios