AvatarBanner

Resenha: AVATAR (Blu-ray 3D)


avatar_BD_3DTítulo Original: Avatar
Produção: 2009
Duração: 167 min.
Direção: James Cameron
Elenco: Sam Worthington, Zoe Saldana, Sigourney Weaver, Stephen Lang, Joel Moore, Giovanni Ribisi, Michelle Rodriguez, Laz Alonso, Wes Studi
Vídeo 3D: Widescreen Anamórfico 1.78:1 (1080p/MVC MPEG-4)
Áudio:Inglês (DTS-HD Master Audio 5.1), Português, Espanhol, Francês (Dolby Digital 5.1)
Legendas: Português, Inglês, Espanhol, Francês
Região: A, B, C
Distribuidora: Fox
Discos: 1 BD 50Gb, 1 DVD
Lançamento: 24/10/2012
Cotações: Som: *****Imagem: ***** Filme: **** Extras & Menus: *½ Geral: ****

SINOPSE
No ano de 2154 o ex-fuzileiro paraplégico Jake Sully (Sam Worthington) viaja para a selvagem lua de Pandora, onde uma equipe terrestre estuda o ecossistema local e, principalmente, busca por um valiosíssimo minério que só existe por lá. Usando um Avatar – o corpo geneticamente criado de um nativo Na’vi para o qual sua mente é transferida – Jake integra-se a uma aldeia daquele povo de gigantes azuis para aprender seus costumes e, mais do que isso: fornecer as informações que a equipe precisa para, com apoio militar, retirar os Na’vis do local, que abriga uma rica jazida mineral. Mas Jake apaixona-se pela guerreira Neytiri (Zoe Saldana), aprende a admirar o modo de vida totalmente integrado à natureza do seu povo e acaba liderando a resistência aos terrestres exploradores.

COMENTÁRIOS
Como se vê do resumo acima de AVATAR (2009), o primeiro filme que James Cameron dirigiu desde o retumbante TITANIC (1997), não temos nada de novo no front – seja em narrativa dramática, seja em conteúdo sci fi. Já vimos muitas vezes variações desta trama em westerns – o branco que passa a viver entre indígenas e acaba tomando o partido deles no confronto com seus irmãos “civilizados”. Inclua nela referências à intervenção norte-americana no Iraque, aos próprios filmes anteriores do diretor (em especial ao tema recorrente da ganância e estupidez humanas como causa potencial ou efetiva de grandes tragédias), o uso de um corpo físico ou virtual para substituir o corpo real, tudo trabalhado com uma tecnologia cinematográfica que rompe barreiras, e temos um filme com muitos momentos visualmente sublimes e impressionantes (principalmente quando assistidos em 3D ou IMAX), outros que beiram a breguice… e heróis que parecem uma cruza de Smurf com Thundercat.

avatar_2

Essa mistura, nas mãos de um mero diretor de blockbusters, poderia provocar indigestão no espectador; mas a mente criativa por trás de tudo isto é Cameron, um especialista em produzir narrativas de qualidade – ainda que convencionais – e que, cada uma a seu modo, revelam ser revolucionárias. Filme concebido há mais de uma década e realizado apenas quando a tecnologia necessária finalmente tornou-se disponível, AVATAR levou a captura de movimentos a um patamar inédito: podemos REALMENTE ver a interpretação de atores como Worthington, Saldana e Weaver nos gestos e, principalmente, nas expressões faciais de seus alteregos azuis criados em computador.

Também nos computadores foi criado um ecossistema completo, com fauna e flora literalmente de outro mundo, trazido à vida com um nível de detalhes e sofisticação estética de cair o queixo. Mesmo com toda a impressionante parafernália técnica, alguns poderão torcer o nariz para a história ecológica altamente previsível (porém creio que necessária, num momento em que os dirigentes mundiais não tem consenso em questões ambientais), os diálogos clichês, alguns furos de roteiro e o romance açucarado do casal de protagonistas. Mas a verdade é que Cameron a cada filme prova ser um mestre em combinar a adrenalina e o esmero técnico do seu entretenimento com qualidade e emoção. No Cinema, um verdadeiro Rei do Mundo – e da lua Pandora.

avatar_3

SOBRE O BD
O primeiro lançamento de AVATAR em Blu-ray, em 2010, foi polêmico – alegando principalmente a necessidade de apresentar o filme com a máxima qualidade de vídeo e áudio possível, foi disponibilizado apenas um único disco, sem extras e com a versão 2D. Posteriormente a versão 3D viria apenas como brinde para quem comprasse aparelhos compatíveis da Panasonic, e finalmente chegou uma edição encorpada, com montes de extras e nada menos que três versões 2D do filme em um único BD. Assim, e sem surpresa, o tempo encarregou-se de comprovar o óbvio: tudo era uma estratégia para vender mais discos, e isto continuou com o lançamento global, ano passado, da versão 3D antes exclusiva da Panasonic. E aqui vai uma notícia que pode ser boa ou ruim para quem já tem as edições anteriores, e possui TV e player Blu-ray compatíveis com 3D: a aquisição de mais esta edição de AVATAR é, simplesmente, obrigatória.

Esta edição 3D (que traz a opção 2D no BD 50Gb), que inclui o filme também em DVD 2D, vem embalada em um estojo HD Case envolto por uma bonita luva lenticular. O filme, unicamente no corte exibido nos cinemas, está na proporção 1.78:1, e a transferência 1080p/MVC MPEG 4 é, simplesmente, soberba. Se AVATAR estabeleceu um padrão de excelência em 3D no cinema, em Blu-ray a história se repetiu. Anomalias como crosstalk, comuns em apresentações no formato, são inexistentes, mas o que de imediato salta aos olhos é a extraordinária claridade, muito superior à média dos filmes 3D. Isso, e o elevadíssimo nível de detalhes, nos permite discernir todas as texturas dos objetos / personagens reais ou CGI – rostos, vestimentas, plumagens, vegetação, tudo nos é apresentado com detalhes impressionantes.

avatar_5

Como seria de esperar, as cores são deslumbrantes, fortes e brilhantes, com destaque para os roxos fosforescentes, o azul da pele dos Na’vis e, de um modo geral, os multicoloridos exemplares da flora e fauna de Pandora. Os níveis de preto são profundos, sólidos, e o elevado contraste ajuda a acentuar os diferentes níveis de profundidade da imagem. Os efeitos pop-up buscam fugir do óbvio, e quando usados visam a completa imersão no ambiente – como fagulhas de fogo em suspensão ou as sementes voadoras da árvore sagrada que envolvem o espectador. O efeito, também aplicado nos gráficos de monitores e hologramas, cria imagens belas e realistas. A exemplo de outros filmes que se seguiram, como TRON – O LEGADO, PROMETHEUS e mais recentemente AS AVENTURAS DE PI, AVATAR é a prova de que um filme já concebido visualmente para o formato 3D é imbatível em termos de qualidade visual.

Se o vídeo de AVATAR permanece sendo de referência, seu áudio não fica atrás. A faixa original lossless DTS-HD Master Audio 5.1 é agressiva quando deve ser, e ambientalmente imersiva nos momentos adequados. Nas cenas de batalha, além dos graves sólidos e poderosos, capazes de fazer tremer o ambiente caseiro, somos cercados via surround por ruídos de disparos, flechas voando, árvores caindo, etc. Nos momentos mais calmos e ambientados na floresta, ouvimos à nossa volta os sons de sua diversificada fauna. É como se a selva de Pandora estivesse viva e respirando à nossa volta. A qualidade dos sons é cristalina, os diálogos sempre soam límpidos e a trilha sonora de James Horner chega até nós com muita fidelidade na mixagem perfeitamente balanceada.

avatar_10

Obviamente com qualidade inferior, temos dublagens lossy Dolby Digital 5.1 em português, espanhol e francês. As legendas, nesses mesmos idiomas, são amarelas, e na tradução das falas Na’vi mantém o mesmo padrão de fonte das legendas originais em inglês do filme. Os menus animados (em português) são simples mas bonitos, ilustrados com imagens do filme e disponibilizando opções básicas de navegação. E quando você dá uma pausa no filme, o menu pop-up mostra o título e a imagem que ilustra o capítulo correspondente.

EXTRAS
A exemplo da versão simples em 2D, esta de AVATAR em 3D não traz qualquer material adicional. Os extras, por enquanto, são exclusivos da edição com as versões estendidas, e isso continuará pelo menos até o inevitável lançamento do box que trará todas as versões do filme em 3D, que deverá acontecer quando AVATAR 2 chegar aos cinemas, possivelmente em 2015.

avatar_12

Jorge Saldanha

4 opiniões sobre “Resenha: AVATAR (Blu-ray 3D)”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s