Resenha: O EXTERMINADOR DO FUTURO (Blu-ray – Remasterizado)


terminator_remastered_BDTHE TERMINATOR
Produção: 1984
Duração: 107 min.
Direção: James Cameron
Elenco: Arnold Schwarzenegger, Linda Hamilton, Michael Biehn, Paul Winfield, Lance Henriksen
Vídeo: Widescreen Anamórfico 1.85:1 (1080p/AVC MPEG-4)
Áudio: Inglês (DTS-HD Master Audio 5.1), Português (Dolby Digital 2.0), Espanhol (Dolby Digital 5.1), Francês (DTS 5.1), Tailandês (Dolby Digital 2.0)
Legendas: Português, Inglês, Espanhol, Outros
Região: A, B, C
Distribuidora: Fox
Discos: 1
Lançamento: 17/10/2012
Cotações: Som: **** Imagem: ***** Filme: ***** Extras & Menus: Geral: **** 

SINOPSE
Em 2029, supercomputadores dominam a Terra mas estão prestes a ser derrotados pela rebelião humana. Como último recurso as máquinas mandam de volta à década de 1980 um ciborgue praticamente indestrutível (Arnold Schwarzenegger), com a missão de matar Sarah Connor (Linda Hamilton), a jovem cujo filho ainda por nascer irá liderar a resistência da humanidade. E é este líder do futuro, John Connor, que consegue enviar o soldado Kyle Reese (Michael Biehn) de volta no tempo, para tentar evitar que o Exterminador cumpra sua missão.

1a

COMENTÁRIOS
A esta altura muito pouco resta para se falar de O EXTERMINADOR DO FUTURO (THE TERMINATOR, 1984), um filme de baixo orçamento que, além de ter feito grandes bilheterias, revelou-se como uma das melhores ficções-científicas dos anos 1980. Além de consagrar em definitivo as carreiras de Arnold Schwarzenegger (que parece ter nascido para o papel de robô assassino) e do diretor/roteirista James Cameron, gerou muitas imitações, continuações e uma série de TV meia-boca, THE SARAH CONNOR CHRONICLES. Apesar de suas limitações orçamentárias, o filme até hoje é um ótimo entretenimento graças à trama inteligente, efeitos especiais antiquados mas eficazes, ação incessante e à própria figura do ciborgue, mais uma criação do já falecido mestre Stan Winston (ALIENSO PREDADORJURASSIC PARK).

Uma pena que a força do conceito inicial de James Cameron foi se diluindo conforme as sequências foram lançadas – e isso, em parte, por culpa do próprio Cameron, que em O EXTERMINADOR DO FUTURO 2: O JULGAMENTO FINAL, repete a fórmula do original mas transforma a máquina letal numa espécie de babá de John Connor, introduzindo um outro ciborgue assassino para ser o vilão. Sem falar na confusão que se estabeleceu nos filmes e na série posteriores (especialmente nesta última, que ignora o terceiro longa e cria uma espécie de linha do tempo alternativa) com a banalização da viagem no tempo – a toda hora chegam do futuro exterminadores para caçar Sarah e John, além de rebeldes humanos e cibernéticos.

3b

A rotina foi quebrada no quarto filme lançado em 2009, EXTERMINADOR DO FUTURO: A SALVAÇÃO, no qual vimos Christian Bale (trilogia BATMAN – CAVALEIRO DAS TREVAS) como John Connor, combatendo as máquinas lá mesmo no futuro – inclusive um exterminador com o rosto de Arnold Schwarzenegger feito em CGI. Schwarzenegger confirmou sua participação em carne e osso no próximo filme, porém as expectativas quanto à sua qualidade, em função das várias mãos pelas quais a franquia já passou, não são altas.

SOBRE O BD
No Brasil O EXTERMINADOR DO FUTURO inicialmente ganhou um DVD canhestro da Flashstar, porém felizmente retornou em 2001 numa edição especial dupla cheia de extras pela Fox, similar à lançada no exterior, com uma nova cópia remasterizada em widescreen anamórfico e áudio Dolby 5.1. Em junho de 2006, nos EUA, o filme foi um dos primeiros lançamentos da Sony/MGM no formato Blu-ray, que apesar de possuir opções de idiomas em português do Brasil não foi lançado por aqui. Ele representou um expressivo upgrade em relação ao DVD, trazendo uma imagem bem detalhada apesar dos indícios da aplicação de DNR, que ocasionou a redução da  granulação natural da película. Além disso, eram perceptíveis riscos e ruídos de vídeo e perda de definição, principalmente na composição de imagens nas cenas de efeitos visuais.

4

Em outubro do ano passado, sem alarde, a Fox, que adquiriu da Sony o acervo da MGM, finalmente lançou O EXTERMINADOR DO FUTURO em Blu-ray no Brasil (em separado e num box contendo os demais filmes da série), e felizmente em edição idêntica à que fora lançada um pouco antes no Reino Unido e que somente agora, em fevereiro de 2013, foi disponibilizada no mercado norte-americano. Em relação ao primeiro BD, fora a apresentação gráfica, há algumas diferenças nas especificações técnicas – por exemplo a dublagem em português, que antes era Dolby Digital 5.1, passou a ser 2.0, e a faixa original em inglês lossless, que era PCM, agora usa o codec DTS-HD Master Audio.

Especificamente quanto à qualidade do som, deve-se mencionar que o filme foi originalmente lançado nos cinemas com som mono, e a mixagem 5.1 do DVD da Fox dera maior presença aos efeitos sonoros (muitos foram regravados) e ao score sintetizado de Brad Fiedel. Já a nova faixa não comprimida DTS-HD MA 5.1 possui qualidade equivalente à PCM multicanal do primeiro BD, que deu ao áudio do filme claros ganhos em fidelidade, eliminação de distorções, acentuação dos efeitos direcionais e reforço nos graves. As cenas de ação foram em muito beneficiadas por essa faixa mais dinâmica – apesar de que os puristas possam reclamar da ausência de uma opção com o áudio original em inglês mono.

5

Mas o grande destaque deste relançamento de O EXTERMINADOR DO FUTURO em Blu-ray se refere à sua qualidade de vídeo, já que o filme recebeu uma nova e superior transferência 1080p/AVC MPEG-4 (a do BD anterior empregou o codec VC-1) na proporção original de tela 1.85:1. O mais importante, contudo, é que o filme foi remasterizado, e o resultado, na minha opinião, é superior ao do recente relançamento de O VINGADOR DO FUTURO, em que pese a inexplicável falta de divulgação feita pela Fox – nem mesmo na embalagem há qualquer referência de que se trata de uma edição remasterizada. O fato é que, descontados as problemas inerentes à produção original, de baixíssimo orçamento se comparada à das sequências, a imagem do filme está impressionantemente boa. De fato, é uma das melhores imagens de filme de catálogo disponíveis.

Em relação à edição anterior, que empregava um BD de camada simples (BD-25), esta utiliza um disco de camada dupla (BD-50). Assim, além dos benefícios da remasterização, o espaço maior elevou o bitrate na reprodução, e ao final temos ganhos em todos os aspectos – detalhe, contraste, níveis de preto, senso de profundidade, cores, etc. A granulação fílmica original está de volta, e dessa vez livre de quaisquer sujeiras, riscos ou danos. Artefatos e filtros digitais também inexistem. Ao assistirmos esse novo Blu-ray de  O EXTERMINADOR DO FUTURO temos a impressão que o filme foi produzido hoje – de fato, nem na época de seu lançamento ele teve imagem melhor.

De lamentar, apenas, o desleixo da Fox para um produto que, apesar da ótima apresentação visual e sonora, peca em outros aspectos. Além de extras minguados e sem legendas, não existe menu principal, o que faz com que, após a introdução do disco no reprodutor, o filme inicie automaticamente. Para acessar as configurações, capítulos e extras, só durante a reprodução via menu pop-up, que pelo menos está em português.

7549_1

EXTRAS
O DVD duplo da edição especial de O EXTERMINADOR DO FUTURO trazia muitos extras (infelizmente, aqui no Brasil, nenhum foi legendado), incluindo “O Exterminador do Futuro: Uma Retrospectiva”, featurette com 18 minutos filmado no início dos anos 1990 com a participação de Cameron e Schwarzenegger; o documentário de 60 minutos “Outras Vozes”, que inclui entrevistas com a produtora Gale Ann Hurd, o roteirista Bill Wisher, o compositor Brad Fiedel e técnicos de efeitos como Stan Winston; e sete cenas “exterminadas” (vistas então pela primeira vez), com comentário opcional de James Cameron. Completavam os bônus, trailers de cinema, comerciais de TV e uma generosa galeria de imagens: “A Arte de James Cameron”, fotografias de produção, fotografias de Stan Winston, fotografias de efeitos visuais e material publicitário. Como se isso não bastasse, o DVD ainda continha mais de vinte mini-documentários ocultos (easter eggs).

Considerando tudo isto, no que se refere aos extras infelizmente o novo Blu-ray de O EXTERMINADOR DO FUTURO decepciona, já que repete o escasso material do anterior. Seria de se esperar que agora todos os extras da edição especial em DVD fossem incluídos, ou pelo menos a íntegra do documentário “Outras Vozes”. Em vez disso, temos apenas um segmento dele, o featurette de 12 minutos “Criando Efeitos Visuais e Música”, que destaca os trabalhos do técnico em efeitos visuais Gene Warren Jr. e do compositor Brad Fiedel. Completam os extras o featurette “O Exterminador do Futuro: Uma Retrospectiva” e as sete cenas eliminadas. Tudo em resolução standard, com áudio em inglês 2.0 e, mantendo a sina da Fox, novamente sem legendas.

7549_16

Jorge Saldanha

Anúncios

2 opiniões sobre “Resenha: O EXTERMINADOR DO FUTURO (Blu-ray – Remasterizado)”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s