Resenha: BROTHERHOOD – Dan Marocco (Trilha Sonora)


Música composta por Dan Morocco
Selo: Lakeshore Records
Catálogo: s/nº
Lançamento: 22/03/2011
Cotação: ****

Dan Marocco é um jovem compositor nascido nos Estados Unidos mas criado no Japão, que já foi assistente de compositores como Alexandre Desplat e Javier Navarrete e que, com a trilha do intenso Brotherhood, assina seu primeiro trabalho solo.

O filme, que narra a história de um garoto que comete um crime para pagar uma aposta na irmandade da universidade e que acaba causando uma tragédia, fez sucesso ano passado em vários festivais, e chegou aos cinemas em fevereiro passado. Para uma historia tão ácida, Dan misturou diversos elementos que culminam em uma trilha explosiva e inteligente.

A primeira faixa do álbum (disponibilizado inicialmente apenas em download digital a partir de 22 de março), “$19.10”, utiliza muito de guitarras e bateria, resultando em um som jovem e poderoso. Já “Roslyn” também aposta na guitarra, bem como em instrumentos eletrônicos, com cordas ouvidas levemente no fundo da melodia, para que ao final da faixa todos os instrumentos explodam juntos em uma única sonoridade.

“Lights Out” é lenta, e soa quase como um ruído feito para compor suspense na historia. Já “Party’s Over” usa e abusa da percussão, muito bem executada e poderosa, onde só mais ao final da melodia é que a guitarra novamente aparece, em um ritmo andante para fechar com peculiaridade a bela faixa.

Depois a trilha segue com a canção da banda Táxi Táxi “+1”, que combina bem com o estilo do filme e da trilha. Após esta temos “The Basement”, lembrando um pouco o estilo da dupla de compositores Marco Beltrami e Buck Sanders, que sabem muito bem explorar este tipo de score com perfeição e capricho, criando sempre um clima que vai além de uma trilha comum, onde se expõe praticamente uma atmosfera para a cena em especifico.

Após, outra canção – “Moth” da banda People in Planes -, e a faixa “Good Luck”, onde mais uma vez a guitarra brilha, em uma melodia suave mas ao mesmo tempo forte. Já “We Can’t Lose” é ainda mais brusca e aterradora, sendo que através de sua duração o ritmo vai aumentando mais e mais para que em certo momento ele vá perdendo a força, vá desaparecendo ao seu final de modo gradativo.

Para fechar o score chega a competente “One Story”, que é a mais bela faixa do álbum, sendo praticamente toda ela apenas em violão. Já o CD se encerra com a canção “Sister Slaves”, de Aushua. Trata-se de um ótimo primeiro trabalho solo de Dan, que sinaliza uma carreira promissora para um compositor que tem tudo para fazer história por aí.

Faixas:

1. $19.10
2. Roslyn
3. Lights Out
4. Party’s Over
5. +1 (Taxi Taxi)
6. The Basement
7. Moth
8. Good Luck
9. We Can’t Lose
10. One Story
11. Sister Saves

Duração: 35:17

Viviana Ferreira

Um comentário sobre “Resenha: BROTHERHOOD – Dan Marocco (Trilha Sonora)

  1. Ae amigo tem como baixar essas musicas desse filme ?
    Se tiver me fala o link ou como porque eu to que nem louco procurando ela para download

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s