Resenha: SE BEBER, NÃO CASE (Blu-ray)


Título Original: The Hangover
Produção: 2009
Duração: 100 min.
Direção: Todd Phillips
Elenco: Bradley Cooper, Ed Helms, Zach Galifianakis, Heather Graham, Justin Bartha, Sasha Barrese, Rachael Harris, Ken Jeong, Mike Tyson
Vídeo: Widescreen Anamórfico 2.35:1 (1080p/VC-1)
Áudio: Inglês (Dolby TrueHD 5.1, Dolby Digital 5.1), Português (Dolby Digital 5.1)
Legendas: Português, Inglês, Espanhol
Região: A, B, C
Distribuidora: Warner
Discos: 1
Lançamento: 14/01/2010
Cotações: Som: ***½ Imagem: *** Filme: **** Extras & Menus: **** Geral: ****

SINOPSE
Quatro amigos vão para Las Vegas curtir a festa de despedida de solteiro de um deles, mas na manhã seguinte todos estão de ressaca e ninguém se lembra do que aconteceu na noite anterior. E pior: descobrem que o noivo sumiu a apenas 40 horas do início da cerimônia. Para encontrar o noivo desaparecido, os três terão que reconstituir os passos da noite anterior e descobrir em que momento as coisas começaram a desandar.

COMENTÁRIOS
Nos últimos anos tenho sido “pego” por algumas comédias que vou assistir sem grandes expectativas, e ao final da sessão fico agradavelmente surpreso. Foi assim em 2007 com SUPERBAD – É HOJE, em 2008 com TROVÃO TROPICAL e ano passado com este SE BEBER, NÃO CASE. Aliás, vejo coisas em comum entre esta comédia de Todd Phillips (ESCOLA DE IDIOTAS) e SUPERBAD. Ambas, acima de tudo, celebram a amizade masculina – na de Judd Apatow a de um grupo de adolescentes querendo transar antes de ir para a faculdade; na de Phillips a de quatro jovens adultos que pretendem fazer uma despedida de solteiro na “Cidade do Pecado”.

 

O básico da história de SE BEBER, NÃO CASE, está descrito na sinopse acima, e falar muito mais é tirar a graça do filme. Basta dizer que, após a noitada de despedida de solteiro, três deles acordam no seu quarto do Caesar’s Palace, sem se lembrar de nada e na companhia de um bebê, de uma galinha e de um tigre. E a partir dessa base é que a trama se desenrola, calcada em diálogos espirituosos, por vezes desbocados, e situações hilárias. A busca pelo noivo desaparecido e a solução do enigma de sua amnésia os levarão a vários locais da cidade e a encontrar algumas figuras excêntricas, entre as quais se destacam o gângster oriental interpretado pelo impagável Ken Jeong e o ex-boxeador Myke Tyson, interpretando a si mesmo.

O quarteto de amigos é interpretado pelos atores Justin Bartha, Bradley Cooper (que está se saindo muito bem em papéis cômicos) Ed Helms e, roubando a cena, Zach Galifianakis como o maluquete do grupo. Com seu humor transparente / vulgar e situações impagáveis – que poderão provocar uma “indigestão” nos mais politicamente corretos -, ritmo ágil e elenco afiado, tudo muito bem conduzido por Phillips, SE BEBER, NÃO CASE é diversão garantida para quem embarcar na sua proposta. Eu embarquei e ri muito, inclusive nos créditos finais, onde são mostradas as fotos que foram encontradas da “noite perdida” do quarteto. Enfim, o prêmio recebido no recente Globo de Ouro de Melhor Filme de Comédia ou Musical não poderia ser mais merecido.

SOBRE O BD
SE BEBER, NÃO CASE sai no Brasil simultaneamente em DVD e Blu-ray, sendo que este último, um BD-50 (dupla camada) inclui tanto a versão exibida nos cinemas como a estendida, que agrega oito minutos adicionais que consistem, principalmente, de diálogos. Ela também inclui, nos créditos finais, algumas fotos mais explícitas da noitada do quarteto. Os menus animados (e pop-up) são bonitos, mas apenas em inglês. A transferência widescreen anamórfica 2.35:1 1080p/VC-1 é clara, brilhante e nítida, belamente reproduzindo as locações da cidade de Las Vegas e do deserto que a cerca. A imagem alia uma suavidade natural (obtida sem filtro) a um mínimo de granulação e texturas bem definidas. O contraste é excelente, e as cores, ricas e vibrantes. O nível de detalhe fino é alto, e os closes do rosto dos atores poderão revelar, em sua TV, todas as manchas e imperfeições de suas peles. Em alguns momentos surgem halos típicos de edge-enhancement, mas são tão tímidos que não chegam a comprometer. De modo geral é uma transfer que possui uma ótima imagem, ainda que não de referência.

 Aliás, timidez é a palavra que melhor descreve a faixa de áudio lossless original em inglês Dolby TrueHD 5.1, que fica devendo em relação ao visual do filme. Uma comédia deste tipo mereceria uma mixagem mais agressiva, ambiental e que envolvesse o espectador com sua trilha sonora, nos momentos adequados – porém isso não acontece. Ao contrário, ela é discreta, bem modulada e clara, com diálogos sempre nítidos, porém muito localizada nos canais frontais. As caixas surround raramente são empregadas. Os níveis dinâmicos e graves também são medíocres – fato raro: quando normalmente tenho que diminuir o volume de meu home theater para reproduzir áudio lossless, neste caso tive que aumentá-lo. Em resumo, o áudio de alta definição de SE BEBER, NÃO CASE é uma decepção, mas aqui devo fazer uma ressalva: já notara isso também quando assisti o filme no cinema, portanto é característica do próprio sound design do longa, e não do BD. Também estão disponíveis faixas Dolby Digital 5.1 em inglês e português (nossa dublagem está apenas na versão de cinema) que, até onde pude perceber, praticamente possuem o mesmo desempenho. As legendas disponíveis são português, inglês e espanhol.

EXTRAS
O BD de SE BEBER, NÃO CASE traz extras em alta definição que agradarão a quem gostou do filme, porém sente-se a falta de um making of da produção. Se dá para considerar como extras, quando o BD é carregado são reproduzidos trailers de alguns lançamentos da Warner, incluindo o recente SHERLOCK HOLMES. Estes, além dos comentários em PIP, BD Live e fotos, não possuem legendas em português. Os demais são legendados.

  • Picture-in-Picture Commentary – A versão de cinema pode ser acompanhada por uma faixa de vídeo PIP onde o diretor Phillips e os atores Cooper, Helms e Galifianakis, sentados em uma sala de projeção, assistem o filme com você e fazem seus comentários. Menos divertido do que poderia ser, e prejudicado pela falta de legendas em português, acaba sendo um extra dispensável para a maioria;
  • BD-Live – Se seu player possui conectividade de banda larga, você poderá acessar o serviço BD Live da Warner, que oferece conteúdo adicional de filmes já lançados e por estrear. De SE BEBER, NÃO CASE, há um trailer que inclui a “performance” de Mike Tyson de “In The Air Tonight”, de Phil Collins, e um vídeo que reúne os palavrões ditos no filme. Isso tudo depois de você ter a paciência de criar seu perfil no serviço, o que inclui acessá-lo através do player, aguardar um e-mail e fazer o cadastro via computador;
  • Map of Destruction – Mapa interativo de Las Vegas, que dá acesso a curtos featurettes relativos aos locais onde os protagonistas se meteram em confusão;
  • The Madness of Ken Jeong (8 min.) – Tomadas alternativas ou eliminadas que apresentam divertidas (e chulas) improvisações do comediante Ken Jeong;
  • Action Mash-Up (0:35 min.) – Curtíssima coletânea dos momentos mais movimentados do filme;
  • Three Best Friends Song (1 min.) – Versão completa da interpretação de Ed Helms, Zach Galifianakis e Bradley Cooper da canção “Best Friends”;
  • The Dan Band! (1 min.) – A banda do casamento em uma engraçada interpretação do sucesso dos anos 1980 “Fame”;
  • Gag Reel (8 min.) – Muitos acharão este o melhor extra do disco, até porque esta coleção de erros de gravação tem alguns momentos realmente engraçados;
  • More Pictures from the Missing Camera – Coleção de fotos, incluindo várias inéditas, da “noite perdida” do quarteto de amigos. Vale a pena conferir.

 Jorge Saldanha

2 comentários sobre “Resenha: SE BEBER, NÃO CASE (Blu-ray)

  1. Pingback: Resenha: UM PARTO DE VIAGEM (Filme em Destaque) « ScoreTrack.net

  2. Pingback: Resenha: MISSÃO MADRINHA DE CASAMENTO (Filme em Destaque) | ScoreTrack.net

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s